PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Japão anuncia investimento bilionário para incentivar casais a terem mais filhos

Foto: Reprodução

Japão aposta em plano de US$ 25 bilhões para alavancar a taxa de natalidade e apoiar famílias.

O governo japonês revelou uma tentativa arrojada para reverter a tendência de queda da taxa de natalidade do país.

O primeiro-ministro do Japão, Fumio Kishida, anunciou um plano de auxílio às famílias no valor de US$ 25 bilhões (aproximadamente R$ 127,3 bilhões) na última quinta-feira (01).

O plano, com duração prevista de três anos, tem como objetivo aumentar o apoio direto aos pais, oferecer assistência financeira para a educação dos filhos e pré-natal, além de fomentar a adoção de horários de trabalho flexíveis e licença parental.

Estas medidas são uma resposta à taxa de natalidade japonesa, que mergulhou para níveis “sem precedentes”.

Kishida declarou em uma reunião com ministros, especialistas e empresários que o objetivo é “aumentar a renda dos jovens e da geração que está na idade de ter filhos”.

Com uma população de 125 milhões de habitantes, o Japão viu o número de nascimentos cair para menos de 800 mil em 2022 – o nível mais baixo desde o início dos registros.

Paralelamente, a proporção de idosos no país tem aumentado.

Apesar da iniciativa, o plano enfrentou críticas, uma vez que o primeiro-ministro não especificou de onde virão os recursos para o financiamento do projeto.

A situação coloca em xeque a viabilidade do plano e traz questionamentos sobre sua implementação futura.

Tópicos
Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE