Com esta receita, seu cachorro ou gato vai parar de fazer xixi em locais proibidos

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Seu cachorro ou gato vai perder o hábito de fazer xixi em locais proibidos por você.

Casa limpa e cheirosa traz sensação de capricho, aconchego e bem-estar.

E se você conseguisse manter esse cheirinho de limpeza por vários dias?

Mas essa tarefa nem sempre é fácil para quem tem cachorro e gato de estimação.

Isso porque esses animais podem urinar ou defecar dentro de casa, ou até mesmo fora, mas em locais que não deveriam.

Além de causar mau cheiro no ambiente, pode ser que ele volte a fazer suas necessidades com mais frequência no mesmo local.

Outra situação problemática que isso pode provocar é que os animais dos vizinhos poderão ser atraídos.

Com isso, também vão começar a fazer as necessidades na sua porta ou no seu jardim, causando mau cheiro e, inclusive, nervosismo nos seus animais.

Diante dessas situações, é necessário conhecer alguns repelentes que os impeçam de fazer as necessidades onde não devem.

Porém, sobretudo, deve-se escolher produtos que não façam mal ao animal.

Por isso, nesse artigo recomendamos que você opte por repelentes naturais.

Esses produtos irão afugentar o seu pet sem a necessidade de fazer mal à saúde do animal.

Portanto, se o seu cãozinho ou gato faz xixi onde não deve, esta dica caseira é para você.

Repelente” de xixi de cachorro e gato

Com esta receita, seu cachorro ou gato vai perder o hábito de fazer xixi em locais proibidos por você.

Ingredientes:

  • Cascas de limão
  • Folhas de melissa
  • 1 copo de álcool

Como fazer:

Coloque as cascas de limão em um recipiente com água filtrada, tampe e reserve por uma semana.

Após esse tempo, bata no liquidificador as cascas com as folhas de melissa, coe e reserve.

Em seguida, adicione o copo de álcool e coloque essa mistura em um recipiente com tampa ou borrifador.

Como utilizar:

Primeira opção: dilua um copo desse repelente em um litro de água e limpe todos os cômodos da casa.

O produto irá agir como um desinfetante, impedindo que seu animalzinho urine ou faça cocô nesses locais.

Segunda opção: borrife o repelente onde você não quer que seu bichinho faça as necessidades, inclusive no quintal e jardim.

Segundo o site Perito Animal, o nariz dos cães apresenta cerca de 300 milhões de células olfativas.

Com isso, eles são capazes de sentir cheiros 40 vezes melhor que os humanos.

Portanto, o forte aroma do limão que as pessoas sentem, para os cachorros, é muito mais forte.

Repelentes caseiros não recomendáveis

Alguns produtos podem ser prejudiciais para seus animais de estimação.

Assim sendo, nunca utilize como repelente os seguintes produtos:

  • Naftalina: é tóxica para os animais e o consumo acidental pode causar a morte do seu pet.
  • Pimenta: por ser picante, a pimenta é altamente irritante para as mucosas. Com isso, você vai acabar criando um ambiente hostil para o seu animal.
  • Produtos com amoníaco ou cloro: esses produtos são tóxicos e podem ocasionar o efeito contrário.

O amoníaco possui cheiro semelhante ao da urina, podendo por isso atrair o animal em vez de espantá-lo.

Além disso, seu cachorro irá “acreditar” que outro animal invadiu seu território, reforçando sua atitude territorialista.

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

COMENTÁRIOS

VEJA TAMBÉM

Gostou deste artigo?

Cadastre seu email e receba novidades em sua caixa de mensagens e fique sempre atualizado e informado.

CURTA o CPN

Que tal curtir nossa página?