PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Contato perdido: sonda do Japão falha em missão de pouso na Lua

Foto: Reprodução / Hakuto-R Mission 1

Empresa Ispace perde comunicação com módulo lunar que levaria o jipe-robô Rashid à superfície do satélite natural da Terra.

A empresa japonesa Ispace anunciou a perda de contato com sua sonda espacial Hakuto-R Mission 1, que tinha como objetivo pousar na Lua nesta terça-feira (25).

A bordo da espaçonave estava o pequeno jipe-robô Rashid, que, caso a missão fosse bem-sucedida, se tornaria o primeiro módulo de uma empresa privada a pousar no satélite natural da Terra.

Durante a transmissão ao vivo da empresa, o CEO da Ispace, Takeshi Hakamada, lamentou o ocorrido: “Perdemos a comunicação, então temos que assumir que não conseguimos completar o pouso na superfície lunar.”

O módulo, pesando 340 quilos e com apenas três metros de altura, encontrava-se em órbita lunar desde o mês passado. Sua missão era explorar a região lunar e, possivelmente, colaborar com a NASA, conforme informou a agência Reuters.

Caso a missão tivesse sido bem-sucedida, o Japão se tornaria o quarto país a pousar um artefato na Lua, seguindo os passos dos Estados Unidos, Rússia e China.

A Ispace acredita na possibilidade de transformar a Lua em um sistema econômico vibrante e sustentável, com uma população de 1.000 pessoas e 10.000 visitantes anuais até 2040.

Além do jipe-robô Rashid, a missão incluía o envio de um robô lunar desenvolvido pela JAXA, a agência espacial japonesa. Ambos deveriam explorar a superfície lunar por alguns dias.

Tópicos
Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE