PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Ex-namorada de Freddie Mercury receberá R$ 250 milhões em royalties do filme

Foto: Reprodução / Getty Images

Mary Austin, a ex-namorada do vocalista do Queen, foi beneficiada pelo testamento do artista e receberá os ganhos do filme lançado em 2018.

Mary Austin, ex-namorada de Freddie Mercury na década de 1970, receberá cerca de R$ 250 milhões em royalties pelo filme “Bohemian Rhapsody”, lançado em 2018.

A informação foi divulgada pelo site El País. Além disso, ela receberá 19% de todos os ganhos provenientes da banda Queen pagos anualmente.

Freddie Mercury, vocalista do Queen, morreu há 30 anos vítima de uma broncopneumonia acarretada pela Aids.

Na época, ele morava com o namorado Jim Hutton, com quem estava havia sete anos. No entanto, boa parte de sua herança foi deixada para Mary Austin, sua ex-namorada.

Freddie cedeu a mansão no estilo georgiano em que passou seus últimos anos em Garden Lodge, avaliada atualmente em cerca de R$ 150 milhões, e metade de sua fortuna à ex-namorada, além dos futuros dividendos de direitos autorais.

Ele também dividiu o testamento com o companheiro Jim Hutton, seu assistente pessoal, Peter Freestone, e seu cozinheiro, Joe Fanelli. O restante do patrimônio foi rachado por igual entre a irmã e os pais.

A decisão de Mercury desagradou muita gente, incluindo os outros membros do Queen, que não gostaram dos holofotes sobre Mary após a morte do colega.

No entanto, Mary Austin sempre foi importante para Freddie Mercury e foi um exemplo de como a amizade e o respeito mútuo podem prevalecer, mesmo após o fim de um relacionamento amoroso.

Tópicos
Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE