PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Inovação em latas de cerveja: duplo lacre promete menos espuma

Foto: Reprodução / Twitter

Empresa Nendo desenvolve lata com dois lacres para proporcionar o equilíbrio perfeito entre cerveja e espuma.

Ah, a cerveja! Essa bebida milenar que conquista corações e paladares há gerações. Com sua trajetória remontando às antigas civilizações, a cerveja é uma preferência nacional, um deleite constante que se reinventa ao longo do tempo. Mas você já parou para pensar nas mudanças em como gostamos de apreciar nossa cervejinha?

Pois é, o mundo está em constante evolução e, no universo das cervejas, a quantidade de espuma no copo é um tema que divide opiniões. Por isso, a empresa japonesa Nendo colocou sua equipe de cientistas para investigar a formação das bolhas na cerveja enlatada e, assim, encontrar uma solução para agradar os amantes da bebida com menos espuma.

Eureka! Os pesquisadores descobriram que uma latinha com dois lacres é capaz de reduzir a quantidade de espuma ao servir. Isso ocorre porque, ao abrir o primeiro lacre, libera-se a pressão e forma-se bastante espuma. Já ao abrir o segundo lacre, a cerveja flui continuamente e sem espuma.

Foto: Reprodução / Twitter

A Nendo estudou detalhadamente os princípios básicos das bolhas na cerveja em lata e os efeitos das matérias-primas adicionadas à bebida. Constataram que a queda repentina de pressão ao abrir a lata e o atrito entre o recipiente e o líquido ao servir são os principais fatores que influenciam a formação de espuma.

Segundo a empresa, ao não abrir totalmente a lata com a aba de puxar, a pressão se concentra na abertura estreita. Simultaneamente, ao despejar o líquido, aumenta-se a área da cerveja em contato com a tampa, facilitando a formação de bolhas.

Após essa descoberta, a Nendo criou sua inovadora lata com dois lacres. Eles possuem uma distância ligeiramente diferente entre si e a tampa, o que altera o grau de abertura. Ao abrir o primeiro lacre, a tampa se abre um pouco para criar mais espuma.

A empresa sugere que, ao encher o copo de espuma, o consumidor deve aguardar que ela diminua antes de abrir o segundo lacre. Em seguida, com a tampa da lata completamente aberta, é só despejar delicadamente a cerveja sobre a espuma.

Com esse método, o resultado é um copo com uma relação líquido-espuma de 7:3 – a chamada proporção áurea, a forma perfeita de servir uma cerveja. Agora é só brindar e apreciar essa inovação que promete conquistar o paladar dos amantes da cerveja ao redor do mundo!

Tópicos
Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE