PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Nos pênaltis, Inter avança na Copa do Brasil

Foto: Reprodução

Keiller brilha e classifica o Colorado para a próxima fase.

Jogando no Rei Pelé, o Internacional levou a melhor contra o CSA nos pênaltis e garantiu vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil.

Nos 90 minutos, o clube alagoano venceu por 2×1, devolveu o placar da ida, no Beira-Rio, e levou a decisão para as penalidades. Keiller brilhou com duas defesas e evitou vexame colorado.

Os donos da casa levaram perigo logo aos 3’. Tomas Bastos cobrou falta e Keiller voou no ângulo para espalmar.

Aos 27, Rodrigo Moledo escorou cobrança de escanteio e não abriu o placar por muito pouco.

Quatro minutos depois, Alemão recebeu de Wanderson em profundidade e tocou por cima de Dalberson, mas a bola caprichosamente foi pela linha de fundo.

A resposta veio aos 40. Tomas Bastos recebeu livre na entrada da área, ajeitou o corpo e soltou um pancada de esquerda, bem no cantinho de Keiller.

O gol acendeu o Internacional, que voltou do intervalo com uma postura diferente.

Após cobrança de escanteio, Alemão desviou e Dalberson espalmou. Na sobra, Campanharo soltou o pé, para nova defesa do goleiro alagoano.

A blitz colorada deu resultado aos 16. Alan Patrick aproveitou sobra na área e foi derrubado. O próprio camisa 10 cobrou o pênalti e deixou tudo igual.

A virada não veio por muito pouco aos 27, de novo com Alan Patrick. O meia recebeu na área e só tirou de Dalberson, mas Rafael Foster salvou em cima da linha.

Aos 36, Thiaguinho recebeu belo passe de Gabriel Taliari e chutou forte no canto direito de Keiller, colocando o Azulão novamente na frente.

Já nos acréscimos, Dalberson operou dois milagres, em chutes de De Pena e Maurício, e salvou o CSA de levar o empate.

Nas penalidades, Luiz Adriano, Renê, Jean Dias, Carlos de Pena, Wanderson, Matheus Dias e Vitão marcaram para o Colorado. Maurício foi o único a desperdiçar.

Do lado do CSA, Rodolfo, Thiaguinho, Rhuan, Gabriel Taliari, Luis Felipe e Almir Luan converteram. Yago Henrique e Bruno Matias desperdiçaram suas cobranças, ambas com defesa do goleiro Keiller.

Tópicos
Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE