PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Palmeiras perde na altitude de La Paz

Foto: Staff Image / Libertadores

Com time alternativo, Verdão foi derrotado pelo Bolívar e larga atrás na Libertadores.

O Palmeiras, jogando com um time misto, perdeu por 3×1 para o Bolívar, da Bolívia, na altitude de La Paz, e estreou na Libertadores com derrota. Essa é a primeira vez que o Verdão larga com um revés na competição continental desde 1974 — foram 17 estreias nesse período, com 14 vitórias e 3 empates.

O técnico Abel Ferreira decidiu dar prioridade à decisão do Paulistão no próximo domingo, contra o Água Santa, e colocou em campo uma equipe recheada de reservas.

Dos jogadores que começaram a partida de ida da final do Estadual apenas Gabriel Menino e Breno Lopes começaram jogando hoje.

E a equipe boliviana não tomou conhecimento do poderoso Palmeiras e foi para cima desde o início. Fazendo valer a altitude (mais de 3.600 metros), os donos de casa imprimiram um ritmo forte e procuraram pressionar no campo de ataque.

O Verdão, por sua vez, respondia nos rápidos contra-ataques, principalmente com Breno Lopes, que desperdiçou duas ótimas oportunidades.

E foi um desses contra-ataques que abriu o placar. O centroavante Flaco Lopez recebeu na direita aos 12′, cortou para dentro e acertou um chutaço, no ângulo do goleiro Lampe. Um golaço!

O Bolívar não se abateu e empatou pouco depois. Ronnie Fernández recebeu na esquerda e achou Hervías livre na área para tocar de cabeça: 1×1.

Flaco Lopez teve a chance de colocar o Palmeiras de novo na frente, mas parou em Lampe.

Aos 43′, Jailson, que já tinha cartão amarelo, colocou a mão na bola e foi expulso. No minuto seguinte veio a virada: Bejarano aproveitou bola escorada de cabeça para o meio e estufou a rede de Marcelo Lomba.

Logo aos 7′ da etapa final, José Sagredo tomou o segundo amarelo e também foi expulso. O Palmeiras ensaiou um empate, mas não conseguiu criar grandes oportunidades.

O gol de misericórdia veio aos 43′. Roberto Fernándes fez grande jogada na esquerda e cruzou para trás. Uzeda entrou estufando as redes de Marcelo Lomba e deu números finais ao confronto.

Tópicos
Compartilhe

Veja também

PUBLICIDADE